Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Portugal transformou-se num palco de guerra entre espiões, polícias e ladrões.

Depois da roleta russa do Tribunal da Relação ter escolhido Agostinho Torres para apreciar o recurso de José Sócrates contra a prisão preventiva, calham agoras as sortes a Santos Cabral para relator do pedido de ''habeas corpus''.
Agostinho Torres foi adjunto de Santos Cabral na direcção da Polícia Judiciária.
Maçonarias?
Maçonaria só há uma, a do Sócas e mais nenhuma.
O resto são comendas da venerável ordem de nosso senhor Jesus Cristo.

pj-684b.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



MCN

foto do autor


Escreva-nos

oficinadalingua@gmail.com

Pesquisar

  Pesquisar no Blog